Vaquinha no pólo aquático

O time de pólo aquático do Fluminense está em festa. Neste domingo, dia 12, a equipe carioca conquistou o hexacampeonato da Taça Brasil, principal campeonato do país. Ao final da partida, o placar marcava 6 a 5, contra o Botafogo.

Embora o badalado torneio mostre uma realidade para os leigos. Quem está dentro das quadras tem visão diferente da realidade. Segundo uma reportagem publicada neste sábado, dia 11, no jornal O Estado de São Paulo, revelou que, sem o apoio da Confederação Brasileira de Desportos Aquáticos, os clubes fizeram a famosa vaquinha para trazer reforços de jogadores de fora do país. Motivo: dar equilíbrio para a competição.

Para ilustrar como qualquer modalidade esportiva pode ser um negócio. Na Espanha um jogador de pólo chega a ganhar até R$ 120 mil por ano.

Anúncios

Sobre João Carlos Godoy

Jornalista, surfista, amante, fanático por surf e pelo mar. Formado no curso de MBA de Gestão no Esporte da Universidade Anhembi Morumbi e assessor de imprensa na área de negócios e esporte. E-mail para contato: jc.surfistapaulistano@gmail.com
Esse post foi publicado em Esporte. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s