Approachianos no mar

A praia de Pernambuco, no Guarujá, litoral sul de São Paulo, foi palco de três momentos marcantes neste sábado, dia 25. O primeiro: consegui arrastar mais um adepto para o mundo do surf. Na verdade, uma adepta. A jornalista Thais Sakuma (na foto acima) aceitou o meu convite e topou encarar uma aula de surf com o professor Eduardo da Silveira, na escola Surfistas Para Sempre. Na verdade, a pequena lutadora de Jiu-Jitsu, que trabalha comigo na Approach (por isso o título Approchianos), estava escondendo o ouro. Ela dropou da primeira a última onda na aula, mostrando intimidade com o esporte dos antigos reis polinésios. Para o delírio dos homens de plantão na aula (eu e o professor), até uma direita de back side a garota arriscou.

O segundo momento marcante foi que pela primeira vez entrei no mar para surfar sozinho, sem professor. Eu e Thais Sakuma, não satisfeitos com uma hora de aula, pegamos duas funboards emprestadas e caímos no mar novamente. O saldo final de ondas desta tentativa foi zero, para os dois. Mas tudo bem. Antes desta aventura ousada, encaramos uma aula com o professor Edu e o saldo foi positivo para ambos.

O ponto ápice do dia foi a estreia do meu long john, finalmente. A roupa custou caro, mas valeu o investimento. O acessório da Rip Curl me manteve na água por mais de uma hora e não senti um pingo de frio. Depois da saga, quase sem braço, entrei no mar com o long nas mãos, de sunga, apenas para tirar o excesso de areia, quase congelei.

Para finalizar o dia, após um pit stop na casa da tia Conceição para tomar um banho, eu, a patroa (Andrea Varella, autora da foto acima), o pequeno JP, Thais Sakuma e Thais Mendes (a Táta, prima da patroa) encaramos um belo PF no litoral. Como tinha a opção de voltar de carona, não abri mão de tomar sozinho uma Brahma gelada. Resumo final: dormi as 22h em ponto e acordei as 10h no dia seguinte. A vida é boa.

 

 

9 comentários em “Approachianos no mar

Adicione o seu

  1. Muito bom! Curti a história, João. Mais pra frente vamos combinar um bate-volta com a minha trupe: maridão e filhos..já sou conhecida da sua patroa mesmo, facilita a vida né, não?! Bora pro mar dia desses!!! Bj
    Sheila Brasil

  2. Aloha João… sem dúvida a sessão de surfe foi bem proveitosa, a experiência de surfar sozinho é única, mesmo sem deslizar uma onda em pé vc foi lá. Isso é o que importa. Com mais um tempo de prática vc vai deslizar em pé certeza….. E na próxima aula vou surfar com vc.. assim quem sabe vc consiga decifrar os enigmas do surfe e drope uma daquelas como na aula.. que vc mandou ainda melhor… uma vez surfista, surfistas para sempre… abraço. A Thais escondeu o jogo .. certeza… na próxima ela vai encarar a Fun board sem parafina, sem leash sem wet suit kkkkk foi um prazer ajudar vc´s…..

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s

Blog no WordPress.com.

Acima ↑