Mineiro come quieto no mar e leva o título

Galera, eu quase bati o carro na noite desta terça-feira 18. Estava voltando para casa quando de repente ouço na rádio Estadão ESPN que o surfista brasileiro Adriano de Souza, o Mineirinho (na foto acima), havia conquistado o título de campeão do Rip Curl Pro, em Supertubos, Portugal.

Acompanhada da ótima notícia da vitória veio o complemento que a façanha foi alcançada em cima do decampeão mundial Kelly Slater. Sinceramente, neste ano eu já tinha visto Mineirinho derrotar Slater no Rip Curl Pro presented by Ford Ranger, em Bells Beach, na Austrália, mas naquela ocasião não tratava-se de uma final.

Depois de ver Adriano de Souza vencer o Billabong Rio Pro, no Rio de Janeiro, em maio, como um bom torcedor acompanhei fielmente os altos e baixos do garoto nas etapas seguintes. Há menos de uma semana atrás, na França, Mineiro ficou em 25º lugar no Quiksilver Pro France e como todo bom mineiro, pegou suas coisas e partiu para Portugal para treinar quietinho, quietinho, longe dos holofotes e câmeras que estavam sobre o brasileiro Gabriel Medina, campeão da etapa francesa, que também atropelou Kelly Slater, em um ano em que o surf brasileiro tomou conta do circuito mundial.

Nem mesmo os mais experientes jornalistas de surf conseguiram prever esse resultado em Portugal. A estratégia de Mineiro para vencer a antepenúltima do circuito mundial 2011, título que o recolocou entre os três melhores do ranking mundial, foi comer pelas beiradas, conquistar nota a nota em tubos de frontside de tirar o fôlego (os melhores momentos da final no vídeo abaixo). O plano rendeu ao jovem surfista de 24 anos mais um título de campeão em 2011, US$ 75 mil em prêmios e sua primeira nota dez desde que entrou para o WT. Aloha!

Sobre João Carlos Godoy

Jornalista, surfista, amante, fanático por surf e pelo mar. Formado no curso de MBA de Gestão no Esporte da Universidade Anhembi Morumbi e assessor de imprensa na área de negócios e esporte. E-mail para contato: jc.surfistapaulistano@gmail.com
Esse post foi publicado em Aloha, Esportes radicais, Eventos, Surf. Bookmark o link permanente.

3 respostas para Mineiro come quieto no mar e leva o título

  1. Pingback: Flair play no estilo Mineiro | SurfistaPaulistano

  2. Pingback: Surf elite brazuca retro 2013 – parte I | SurfistaPaulistano

  3. Pingback: Semifinal ou final no surf mundial 2013 ??? | SurfistaPaulistano

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s