O Tênis descobriu a roda?

Brasil Open 2012 no Ginário do Iibirapuera. Foto: Wander Roberto/Inovafoto

Em 2008, quando ainda era repórter da revista Istoé Dinheiro, tive a oportunidade de escrever uma matéria sobre o Brasil Open de Tênis (para ler a matéria clique aqui), evento de sucesso que na época era considerado para poucos, frequentado apenas pela elite que tinha bala na agulha para bancar hospedagem na nem tão mais baladala Costa do Sauípe, litoral baiano. Naquela época, o maior evento de tênis do país, organizado pela  Koch Tavares, era sucesso de público, com média de 20 mil pessoas durante a competição.

Quatro anos depois a competição acontece nesta semana pela primeira vez em São Paulo, no Ginásio do Ibirapuera. Isso sim foi uma iniciativa de sucesso por parte da organização do evento. Uma matéria publicada nesta sexta-feira na edição paulista do jornal O Lance, mostrou que a previsão de público para este ano é de mais de 30 mil pessoas. Só na quarta-feira, dia 15, quando Corinthians e Santos estreavam na Copa Santander Libertadores, mais de 6,5 mil foram ao complexo assistir as partidas, recorde de público em todas as edições da competição, que já recebeu nomes como Gustavo Kuerten, por exemplo.

Isso mostra que a organização do torneio descobriu a roda? Não, isso mostra que pelo menos o tênis acordou ou está despertando para a sua popularização. Não podemos jamais esquecer que qualquer modalidade esportiva é feita de ídolos, as pessoas precisam ver seus ídolos de perto. O esporte se populariza facilmente pela audência. Infelizmente, ter acesso a clubes fechados da alta cúpula ou assistir partidas memoráveis pela TV paga no Brasil não são programas acessíveis para a maioria dos brasileiros. Que o sucesso da edição 2012 do Brasil Open de Tênis sirva como exemplo para outras atividades esportivas elitistas que necessitam urgente de uma injeção de popularidade em seus circuitos. Caminho estratégico para justificar as cifras dos patrocínios. Que bom que o mercado está amadurecendo. Ainda estamos engatinhando é bem verdade, mas já é um bom começo.

Anúncios

Sobre João Carlos Godoy

Jornalista, surfista, amante, fanático por surf e pelo mar. Formado no curso de MBA de Gestão no Esporte da Universidade Anhembi Morumbi e assessor de imprensa na área de negócios e esporte. E-mail para contato: jc.surfistapaulistano@gmail.com
Esse post foi publicado em Aloha, Esporte, Eventos. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s