Os órfãos da revista Fluir

revista fluir_numero 1

Edição número 1 da revista Fluir

Infelizmente, a  descontinuação da revista Fluir, a maior revista de surf do Brasil, é realidade. Apesar da editora Third Wave, responsável pela publicação da Fluir e do Portal Waves, não ter comunicado nada oficialmente, os próprios funcionários da revista já confirmam a questão nos bastidores e a imprensa especializada já começa a dar as primeiras notícias oficiais sobre o tema.

O portal da revista Meio&Mensagem publicou nesta quinta-feira 2 uma nota sobre o fim da Fluir, onde o publisher do veículo, Claudio Martins, confirmou o cenário. “É uma decisão difícil, mas não descarto a possibilidade de no futuro voltar com outra pegada, quando a economia estiver melhor”…

Em contato com funcionários da editora, o Surfista Paulistano apurou que uma possível negociação com a revista  Hardcore, editora Rocky Mountain, está em andamento para atender aos assinantes da Fluir, que passariam a receber a Hardcore no lugar da Fluir. “Se confirmada essa negociação, os assinantes receberão uma carta com as duas revistas, comunicando a entrega da Hardcore no lugar da Fluir”, explica uma pessoa que trabalha na editora Third Wave. “Nós funcionários também ficamos sabendo do fim da revista da mesma forma que vocês leitores, pelas redes sociais”, completa.

O Surfista Paulistano apurou também que o Portal Waves, outro produto da editora Third Wave, foi vendido, porém o nome da empresa responsável pela aquisição ainda não foi revelado.

Em contato com um consultor de mercado que prefere não se identificar, o erro na administração da Fluir foi “apostar no Portal Waves e deixar a Fluir no papel. Surf é vídeo, imagem, não tinha como sobreviver. Hoje você tem o Canal Off, as transmissões da WSL na internet, etc”.

Fundada em  1983, a Fluir (edição número 1 – foto acima) encerra sua história no surf brasileiro entrando para o hall de revistas de surf extintas no mercado como Brasil Surfe, Visual Esportivo e The Surfer’s Journal Brasil.

Aloha!!!

Sobre João Carlos Godoy

Jornalista, surfista, amante, fanático por surf e pelo mar. Formado no curso de MBA de Gestão no Esporte da Universidade Anhembi Morumbi e assessor de imprensa na área de negócios e esporte. E-mail para contato: jc.surfistapaulistano@gmail.com
Esse post foi publicado em Aloha. Bookmark o link permanente.

6 respostas para Os órfãos da revista Fluir

  1. welton colli disse:

    Bela Matéria, uma pena a Revista terminar assim, e eu como assinante estou no aguardo, ate o momento nenhum comunicado oficial.

  2. davi disse:

    Fiz uma assinatura por 3 anos, não recebi nem 8meses,desde de abrir 2016 que não recebo, tentei entrar em contato e ninguém atende e não responde aos emails, que falta de responsabilidade de pelo menos avisar os assinantes.

  3. Pingback: Parceria nas mídias de surf!!! | Surfista Paulistano

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s