Curadoria da treta: WSL x Honolulu (North Shore – Hawaii)

pipe4
Banzai Pipeline. Foto: WSL

Aloha galera!!! Confesso que essa semana que passou fiquei bem alienado das notícias sobre o surf no mundo. Estou na correria com trampo novo (não, eu não vivo desse blog, infelizmente) e nem tive tempo de olhar as news notícias sobre o esporte.

Porém, hoje fui surpreendido ao receber esse conteúdo do portal Moist (mídia caçula no surf news brasileiro que eu venho acompanhando e confesso que acho muito legal). O conteúdo traz críticas à WSL que trava uma briga contra a prefeitura de Honolulu (onde fica Pipeline, na ilha de Oahu, North Shore havaiano). Quem assina o conteúdo é Steven Allain, que também participa do Moist News. Allain também assina como editor internacional da Hardcore, que também publicou sobre a “treta”. O portal Waves também trouxe a informação em dois conteúdos: aqui e aqui.  Aliás, nesses conteúdos do Waves dá pra perceber que a WSL deu uma vacilada e agora está querendo usar a força pra conseguir o que quer, o que me faz concordar, de certa forma, com o conteúdo publicado pelo Moist. Acho que as declarações do prefeito de Honolulu, o sr. Kirk Caldwell, são bastante pertinentes e justas.

Confesso que ao ler o conteúdo publicado pelo Moist fiquei pensando: será que nenhum outro site de surf brazuka não publicou nada? Cheguei até a emitir algumas críticas sobre isso em alguns grupos nas redes sociais. Felizmente estava errado e me retratei ao ver que as principais mídias estão fazendo o seu trabalho direitinho. Eu que estava alienado mesmo por conta do trampo, foi mal aê, galera!!! Outros sites brasileiros também trouxeram o conteúdo como o Surfguru.

honolulu-mayor-kirk-caldwell
prefeito de Honolulu, o sr. Kirk Caldwell

Bem, resumindo a “treta” que está rolando: a WSL pediu autorização para a prefeitura de Honolulu para realizar mais um Pipe Master (WCT) logo no início de 2019, além da edição já prevista em 2018, alterando a data do Volcom Pipe Pro (WQS), já realizado pela WSL no início do ano para o final do ano compondo a Tríplice Coroa Havaiana com Sunset e Haleiwa. Confesso que acho a mudança positiva porque o período de janeiro é muito melhor de ondas no Hawaii do que dezembro e além disso, conforme traz o Canal Woohoo, a ideia da WSL seria fazer com o que “o Tour dos Sonhos comece em janeiro no Havaí e termine em setembro no Taiti para coroar o melhor do mundo num evento especial na Indonésia somente com os seis melhores surfistas do ranking”, conforme publicado no site do canal.

O fato é que a prefeitura local negou o pedido (por enquanto, acredito que vão ceder à pressão dos atletas e governantes locais) e reclamou também que a WSL atrasou a entrega de documentos para manter sua licença para a realização do Pipe Master de dezembro.

1a9b8b3422fc5c19b81458c99fbba054
Sophie Goldschmidt, CEO da WSL

Essa negativa para a WSL caiu como uma bomba, a ponto da CEO atual da liga, a sra. Sophie Goldschmidt, dizer que se a WSL não tiver seu pedido aceito, a empresa vai tirar todos os seus eventos do Hawaii. Quem perde com isso? O surf. A própria WSL traz em seu site um conteúdo com o depoimento de surfistas renomados que apoiam a liga como o mega campeão Kelly Slater e o renomado local Sunny Garcia, entre outros.

O canal Hawaii News Now traz um vídeo mostrando depoimentos de outros surfistas locais de renome como Billy Kemper.

A WSL alega que as mudanças que ela pede para a prefeitura local são mínimas.

Se a WSL tirar seus campeonatos do Hawaii quem perde, sem dúvida, é o surf e a economia local, mas acredito também que a forma como a WSL quer negociar, com ameaças não é legal pra imagem do surf. Pelo contrário, mostra aquela imagem corporativa de hoje em que alguns CEOs (felizmente não são todos) querem usar de seu poder e de estratégia de mídia para conseguir algo. Isso não é surf!!!

Para quem gosta assim como eu de dar uma navegada na mídia gringa, trago aqui também os principais sites de surf que também estão comentando o caso. Temos a galera da renomada Surfer, os apimentados da Stab e o time da The Inertia.

Importante frisar que toda essa briga veio à tona na mídia com notícias publicadas pelo site Honolulu Star Advertiser (clique aqui e aqui), que traz informações da região. O canal de TV local KITV também traz um conteúdo bacana sobre a disputa (comentário inútil: dá gosto assistir um telejornal onde o âncora usa uma camisa havaiana, rsrsrsrs).

Que a decisão traga benefícios sim, mas para o bem do surf, principalmente!!!

 

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s

Blog no WordPress.com.

Acima ↑